[T&S] Res. Literária | Os 13 Porquês

Sabe aquele tipo de livro que após você terminar tem que dar um tempinho pra si mesma? Pra aceitar que terminou, e que terminou daquela maneira? Os 13 porquês é esse tipo de livro. Tenho tanta coisa pra dizer desse livro que não sei nem por onde começar… Mas uma coisa eu tenho absoluta certeza, é aquele livro que TODOS deveriam ler, o livro que te ajudar a melhorar como pessoa e repensar vários atos teus. A história começa com uma digressão que nos dá uma breve perspectiva do que nos espera pela frente, Clay Jasen recebeu um pacote, sem remetente e fica confuso com aquilo. Sete fitas, treze histórias, treze motivos, treze porquês que levaram Hannah a cometer suicídio  Cada pessoa que recebe o pacote é um desses motivos. Clay de inicio quase vai a loucura com tudo, afinal, ele gostava dela, o que poderia ter feito que contribuísse pra ela cometer tal ato? E é isso que vamos descobrindo com o decorrer de cada fita. A cada fita ficamos mais curiosos, mais sedentos por descobrir os motivos e no final, vemos que coisas que parecem insignificantes a nossos olhos podem ter uma importância fatal aos olhos de outra pessoa e foi isso no caso de Hannah.
Eu particularmente nunca vi quem comete suicídio com bons olhos, mas passei a entender um pouco mais conhecendo a história de Hannah, ela tentava confiar nas pessoas, tentava acreditar e começar do zero a cada vez que essas mesmas pessoas davam uma rasteira nela, tentava confiar novamente, e com o tempo, desistiu, não viu motivo, não quis se machucar mais. É um livro horrível, mas não aquele horrível de ruim, é um horrível de ótimo, deu de entender? Aquele livro que te faz sentir como Clay, te faz sentir a angustia e a tristeza de cada fita, um livro raro. Não cheguei a chorar com o livro, talvez isso tenha sido o mais frustrante porque toda aquela angustia ainda esta presa no meu peito, dentro de mim prestes a qualquer momento simplesmente sair…
Me tornei amiga de Clay e Hannah através das páginas, desejava a cada segundo, a cada letra que Hannah não tivesse feito o que fez, desejava a cada segundo entrar no livro e dizer a Clay que aquela angustia ia passar, desejava que todo aquele clima se aniquilasse, mas não era possível. Daqui a 50 anos ainda vou me lembrar desse livro, de tudo que aprendi com ele, das lições e ensinamentos que ele me proporcionou e por mais que suicídio seja um tema extremamente forte e por vezes ignorado (como em determinado ponto é citado no livro), é um tema importante, um tema a ser discutido e questionado. Os 13 porquês me ensinou que pessoas, são como diamantes, preciosas, mas tem a fragilidade de um cristal e devem ser cuidadas sempre.

Resenha escrita por
Letícia

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s